Tela do software do FreeNAS, NAS4free e Qnap NAS lado a lado

 

Aplicações voltadas pra o armazenamento de dados em rede são importantes demais para serem deixadas para segundo plano. Usualmente acompanhadas de hardware e software específico, as soluções de armazenamento nem sempre recebem a atenção necessária por parte de desenvolvedores e administradores de estruturas de TI.

Não é incomum pequenas empresas e usuários residenciais manterem soluções “provisórias” como FreeNAS ou NAS4Free para manter e compartilhar informações dentro de seus ambientes. Essa falta de atenção tem cobrado um preço muito alto, aumentando consideravelmente o risco de perda de dados importantes e prejuízos pela interrupção da produção.

A falta de conhecimento técnico e baixa capacidade de investimento nesses segmentos de mercado quase sempre são os principais responsáveis pelos desastres, porém grande parte desses usuários tem negligenciado as boas práticas de manter seus dados seguros, utilizando equipamentos obsoletos, softwares desatualizados ou cometendo erros básicos como estar com seu backup desatualizado.

 

Armazenamento baseado em softwares de código aberto

Ao constatar o risco da perda eminente de dados em sistemas baseados em um único hard disk como HDs Externos, computadores pessoais e pequenos servidores, a primeira alternativa para quem não quer ou pode gastar comprando um equipamento exclusivo para armazenamento de dados como um storage NAS é montar sua própria solução “caseira” para centralizar, compartilhar e proteger informações dentro de seu ambiente. O próximo passo para esse tipo de usuário é conseguir um computador usado, baixar um software gratuito e montar seu próprio sistema de armazenamento.

 

NAS4Free ou FreeNAS, qual utilizar?

 

logo do FreeNas do lado esquerdo e logo do NAS4Free do lado direito e ao centro VS simbolizando uma disputa entre os dois

 

Algumas soluções de código aberto baseadas em Unix/FreeBSD tem sido amplamente utilizadas como sistemas de armazenamento de baixo custo, sendo que o NAS4Frre e o FreeNAS são as duas alternativas mais encontradas e utilizadas.

 

FreeNAS e TrueNAS

O projeto FreeNAS surgiu em 2005 e atualmente é controlado pela empresa americana iXsystems. Por tratar-se de um software de código aberto, é relativamente simples baixar uma de suas versões através de download. Com ele e qualquer micro usado é possível montar um servidor de arquivos para pequenas redes locais, configurar seu próprio servidor de jogos ou de streaming ou concentrar seus backups num único local centralizado.

O software fornece bons recursos para gerenciamento e administração de dados, usa sistema de arquivos ZFS e uma série de ferramentas profissionais como snapshot, compatibilidade com ambientes virtualizados e tiering. O maior problema na implementação não está efetivamente na estabilidade do software e suas características, mas sim como é feita sua implantação. É comum que velhos computadores e servidores sejam a opção mais econômica de hardware para esse tipo de solução. Como esses equipamentos nem sempre estão em bom estado de uso, a maioria deles apresenta falhas por não suportar trabalho contínuo.

O TrueNAS foi a solução encontrada no mercado americano pela IXsystems para minimizar essa má-impressão, pois entrega uma solução que incorpora hardware homologado e o software de código aberto FreeNAS previamente configurado por especialistas.

As soluções baseadas em FreeNAS e dispositivos de armazenamento TrueNAS suportam os protocolos de arquivo AFP, CIFS, FTP, NFS, SMB, WebDAV e o armazenamento em bloco iSCSI, além de permitirem até dois controladores de armazenamento para alta disponibilidade e redundância em aplicações de missão crítica.

Para o mercado brasileiro, essa solução está longe de ser ideal, pois a IXsystems não tem filial aqui e todo o suporte técnico é prestado por fóruns ou especialistas contratados. Para usuários isso pode significar aguardar a boa vontade de alguém da comunidade quando seu servidor de armazenamento está parado ou ter que contratar uma empresa para prestar esse serviço.