A informática está presente em todas as empresas de alguma forma, independentemente de seu porte ou mercado de atuação. A constante evolução da tecnologia e a crescente exigência do mercado por eficiência, faz com que as empresas precisem cada vez mais de sistemas, aplicativos, dispositivos móveis, equipamentos, link de internet, telefonia, entre outros recursos. E, a conclusão que chegamos é: ou a empresa usa a tecnologia a seu favor, ou é engolida por ela.

Para que uma empresa consiga acompanhar esse ritmo, bem como suportar a complexidade que aumenta com a adoção de novas tecnologias, ela precisa estar respaldada por especialistas que podem deixá-la livre de problemas como:

  • Pirataria e problemas de conformidade;
  • Recursos ociosos e/ou obsoletos;
  • Falhas e indisponibilidades na operação;
  • Vulnerabilidades na rede e vazamento de informações;
  • Falta de informação para tomar as decisões corretas.

O objetivo de um suporte em informática é possibilitar que a empresa esteja respaldada em termos de tecnologia. Para que a operação funcione de forma segura e estável, a tecnologia chega a ser um diferencial competitivo. Contudo, muitas empresas ainda enxergam essa área como um custo.

Na grande maioria dos casos, os possíveis problemas causados pela ausência de um suporte de TI custam muito mais do que contratar essa área. Falaremos aqui, de uma forma geral, sobre o momento adequado para cada porte de empresa:

EMPRESAS INICIANTES

Advogados, contadores, arquitetos, engenheiros, comerciantes, entre outros – dificilmente terão conhecimento para fazer o devido planejamento da TI. Por isso, é importante que exista um suporte de informática desde os primeiros meses.

PEQUENAS EMPRESAS

Quando se deparam com a necessidade/problema da tecnologia, buscam por alternativas e se deparam com um dilema. Montar um departamento de informática custa caro, principalmente para uma empresa especializada em seu ramo.

EMPRESAS DE MÉDIO PORTE

Empresas que atingiram um determinado patamar já passaram por diversas experiências e estão mais maduras. Possivelmente, a empresa já experimentou manter um departamento próprio, que muitas vezes deu dores de cabeça para ser gerido.

EMPRESAS DE GRANDE PORTE

Normalmente, empresas maiores possuem o departamento de TI próprio. E este se justifica quando está dedicado a atividades estratégicas do negócio, diretamente ligadas aos processos e sistemas da empresa. Neste caso, o suporte em informática pode ser feito por um help desk – interno ou contratado com um fornecedor especializado.

DESEJA TER SUA TI SUPORTADA POR ESPECIALISTAS?

Conheça os nossos Planos de Suporte de TI e veja como podemos agregar nosso conhecimento técnico para levar o seu negócio a um novo patamar com redução de custos.