O software pirata é um dos exemplos mais clássicos do “barato que sai caro”. A motivação financeira é uma das principais para este tipo de ação, mas, ao avaliar bem todos os riscos, fica claro que ele não vale nem um pouco a pena. Para deixar isso bem claro, confira 5 riscos que o uso dos softwares piratas traz para o seu negócio.

 

1 – A maior exposição a vírus e outras formas de ataque

A única vantagem do uso dos softwares piratas é o preço mais baixo. Porém, na outra ponta, sua empresa está sacrificando tudo que acompanha a compra de um produto licenciado.

Garantia, atualizações, suporte, tudo isso é perdido ao usar um software pirata.

A primeira consequência é uma exposição muito maior aos vírus e as outras formas de ataque. Sem as atualizações de segurança, a cada dia que passa, a cópia pirata está mais exposta a invasões, podendo ser uma brecha para derrubar todo o sistema ou para vazar informações.

Além, é claro, de quando o próprio software pirata contém malwares, para espiar ou aproveitar o processamento dos computadores da empresa para outros objetivos.

 

2 – O problema de performance

Além da exposição maior a riscos, por ter um sistema cada vez mais defasado no quesito da segurança, a própria performance tende a ser pior. Sem as atualizações, o software pirata tende a ser defasado muito mais rápido, já que não são implementados novos recursos e correções para possíveis bugs.

Ou seja, em muito pouco tempo você pode não estar recebendo o que pagou, e precisa passar pelo processo todo novamente.

 

3 – As questões legais

Se a empresa produtora do conteúdo perceber o uso de uma cópia pirata, isso pode gerar questões legais bem sérias. Primeiramente, irá ser feita uma notificação para a sessão imediata do uso, que pode prejudicar o ritmo de trabalho e a produtividade do seu negócio. Além disso, multas e sanções podem ser bem pesadas, e atingir o bolso.

 

4 – A ética e a percepção

Existe a questão ética por trás do uso dos softwares piratas. Afinal, quem pirateia está privando outra empresa da recompensa pelo seu trabalho. Sendo assim, pode não existir motivação para ela procurar novas soluções que tornem os softwares cada vez mais poderosos. É algo extremamente prejudicial para todos os envolvidos, a empresa, seus clientes e a sociedade.

Por isso, também existe uma questão de percepção. A imagem de um negócio é crucial para o público, e ter essa imagem prejudicada por conta disso é um risco absolutamente desnecessário.

 

5 – A falta de suporte

É impossível pedir suporte para um produto pirata. Ou seja, se existe alguma falha no sistema, ou alguma função mais sofisticada que demanda certa ajuda do produtor, sua empresa não conta com nenhum apoio.

Além disso, a cópia pirata perde uma grande vantagem, que é a possível personalização. Muitos softwares e muitas empresas conversam com os seus clientes, de modo a trazer uma solução que seja mais vantajosa para cada caso específico. Com o software pirata, você perde este contato que pode gerar uma solução ainda mais precisa.

Por conta destes principais motivos, que podem desencadear em diversos outros, a pirataria de softwares é muito prejudicial para a sua empresa, e certamente não vale o risco. Portanto, se quiser soluções realmente vantajosas e que irão economizar ao invés de gastar ainda mais, acesse o nosso site e aprenda mais.