Os SSDs (disco de estado sólido) são os componentes mais procurados por quem deseja mais velocidade e maior tamanho de armazenamento nos computadores.

Essa tecnologia vem sendo cotada a anos para substituir os HDs convencionais. Ele funciona eletricamente, tornando operações muito mais rápidas e silenciosas.

Tecnologia recente?

Por mais que pareça algo recente, os SSDs são uma tecnologia bem antiga. Um computador chamado Psion MC 400, lançado em 1989 trazia 4 SSDs em sua composição.

Eles podiam ser removidos como um disquete, e combinados em até 8MB, uma inovação para a época.

Como funciona

O armazenamento é realizado em chips de memória havendo assim, economia no consumo de energia uma vez que não é necessário alimentar os motores ou componentes.

Por não conter peça móveis, os SSDs são completamente silenciosos, diferente dos HDs.

A tecnologia SSD é utilizada por exemplo em unidades de memória flash, como câmeras fotográficas, agilizando o tempo de resposta das fotografias e aumentando o espaço de armazenamento.

Eles ainda são bem menores e mais leves que o HD comum, conseguem trabalhar em ambientes mais quentes, e possuem taxas de leitura e gravação de 250MB/s na gravação e 700MB/s na leitura.

Confira 5 dicas de como escolher o SSD melhor e mais barato.

Fora da tecnologia

O SSD é uma tecnologia tão promissora, que até empresas fora do ramo da tecnologia estão adotando.

É o exemplo da empresa de canivetes Victorinox, que lançou canivetes com SSDs que parecem com pen drives.

Em fevereiro desse ano a Samsung anunciou o maior SSD do mundo com 30,7 TB de capacidade. Esse SSD é voltado para o ambiente corporativo, como dará centers.

E aí, se interessou por essa tecnologia?