O mundo começou o ano de 2020 com os dois pés nos freios da economia de vido a pandemia do CIVID-19. O boletim preparado pelo Banco Central, estima que a o Brasil terá uma queda de sua economia. O vice-presidente do Banco Central Europeu, Luis de Guindos, afirmou que o impacto do surto de coronavírus colocará a Europa em recessão, mas deve ser transitória e a região deve voltar a