terceirizacao da ti

 

Micro, pequenas e médias empresas no Brasil possuem muita dificuldade para manter uma equipe de TI interna ou gerenciar seu ambiente de TI de forma eficiente e estratégica. Com a consciência de que a TI é uma área fundamental para qualquer negócio atualmente, empresários de praticamente todos os ramos buscam na TI formas de melhorarem sua operação e inovarem, mas acabam encontrando inúmeros desafios.

Entre as principais dificuldades de se estabelecer uma TI que traga reais resultados para a empresa, podemos citar: falta de profissionais qualificados, custos elevados na contratação, falta de planejamento ou comprometimento da equipe, entre outros.

Uma alternativa viável: Terceirizar a TI

Como alternativa, muitos destes empresários estão buscando a terceirização da TI, ou pelo menos parte dela. É possível decidir por terceirizar totalmente ou parcialmente a gestão de TI da sua empresa e esse processo é bastante flexível.

Para isso, você deve pesquisar um parceiro que ofereça Serviços Gerenciados de TI, ou seja, uma empresa terceirizada que poderá atuar de forma ampla, estrategicamente e operacionalmente, ou então apenas cuidar de processos mais simples, como, por exemplo, oferecendo um suporte 24/7 para a resolução de problemas ou então automatizando seu processo de backup.

 

O que são os Serviços Gerenciados de TI?

Poucas pessoas conhecem esse termo, mas é só porque o pessoal da TI gosta desse nome mais “pomposo”. Mas, no fundo, Serviços Gerenciados de TI = Terceirização da TI.

A diferença é que o mercado se tornou mais exigente nos últimos anos e a terceirização da TI deixou de ser somente uma alternativa desafogar a carga de trabalho de TI dentro empresas através de helpdesk remoto. Um provedor de serviços gerenciados de TI tem a obrigação de prestar esse suporte com excelência, porém a terceirização mais completa pode ir muito além, entregando um gerenciamento amplo e profissional com processos otimizados, monitorados em tempo real, e gestão estratégica para implementar melhores soluções para as empresas.

A contratação desses serviços é totalmente customizável, pois você poderá optar por um serviço específico (como uma rotina de backup), por algo mais avançado (suporte 24/7 e gerenciamento de licenças de softwares) ou então pelo pacote completo, onde entrará também um planejamento estratégico para a TI da sua empresa, estabelecendo ações para aumentar os resultados do seu core business.

 

Terceirizar a TI irá resultar no aumento ou redução de custos?

Até aqui você já percebeu como funciona a terceirização da TI (parcial ou total). Mas será que isso é viável financeiramente? Vamos mostrar como esse processo pode tanto reduzir os custos quanto aumentar o investimento necessário, dependendo da necessidade de cada negócio.

Traçando objetivos

Primeiro de tudo, antes de pensar em terceirização ou como fazê-la, você deve ter bem claro qual o objetivo principal da sua empresa e qual o papel do setor de TI nela – para isso, recomendamos a leitura deste post sobre planejamento.

Com o objetivo definido, veja como agir se seu caso entra em alguma dessas situações.ㅤ​

Objetivo 01: Reduzir custos

Caso a TI seja, neste momento, uma fonte de problemas na sua operação e seu orçamento é extremamente rígido, terceirizar pode ser a melhor solução para que a empresa ganhe eficiência sem precisar contratar mais funcionários para isso.

Mas você certamente deve se questionar: como uma empresa terceirizada pode ser mais eficiente e ainda custar menos para mim?

Neste post nós explicamos com mais detalhes como aumentar a eficiência para reduzir custos e como uma ajuda especializada faz isso acontecer. Mas respondendo ao questionamento, o motivo é simplesmente este: o lucro de uma empresa prestadora de serviços de TI está totalmente ligado à sua eficiência de atendimento. Ou seja, se ela não for pelo duas vezes mais competente que a sua TI interna, ela não terá resultado financeiro positivo e sua existência não fará sentido.

Entretanto, o objetivo da terceirizada não é “roubar o emprego” dos seus analistas e acabar com seu setor de Ti interno (caso você tenha um) – pelo contrário, caso essa equipe esteja sobrecarregada, uma prestadora de serviços irá também fornecer mais recursos para que ela seja muito mais produtiva sem que você tenha que contratar mais colaboradores.
ㅤ​

Objetivo 02: Potencializar o desempenho das equipes

Nesse caso, iremos considerar uma empresa que não tenha um orçamento tão restrito e que existe alguma folga para investir na melhoria dos processos que as equipes executam diariamente.

Um prestador de serviços gerenciados de TI irá realizar um diagnóstico das rotinas dos usuários e um mapeamento de processos para identificar pontos de defasagem e oportunidades de melhoria. Muitos problemas de TI são recorrentes e acabam com a produtividade das pessoas – sem uma identificação e correção das causas destes problemas, eles serão cada vez mais frequentes.

Sem esses problemas recorrentes, partimos para o próximo passo que é identificar onde sua equipe pode estar perdendo eficiência. Como a atividade fim da terceirizada são serviços de TI, essa empresa precisa estar sempre atualizada sobre o que há de melhor no mercado em relação a softwares, hardwares e melhores práticas. Sendo assim, o prestador de serviços saberá dizer quais as melhores ferramentas para o dia a dia e como utiliza-las.

Estes são alguns pontos mais comuns que impedem as equipes de atingirem maior eficiência operacional: softwares desatualizados ou inadequados, equipamentos defasados, processos manuais que podem ser automatizados, entre outros.
ㅤ​

Objetivo 03: Buscar um especialista para uma solução mais complexa

Esse é o caso de uma empresa um pouco mais estruturada cuja função principal depende integralmente da tecnologia para acontecer e precisam de uma empresa que preste uma assessoria especializada em uma solução mais complexa.

Por exemplo: de acordo com uma resolução do Conselho Monetário Nacional publicada recentemente, as fintechs, empresas que unem tecnologia com serviços financeiros, precisam se adequar em relação à segurança da informação. A tecnologia é essencial para a atividade fim dessas empresas, entretanto, principalmente as menores delas (startups), dificilmente terão equipes altamente especializadas e focadas nas melhores soluções de segurança. Assim, elas contratam uma terceirizada que possui know-how e possa garantir que essa parte da estrutura de TI estará garantida.
ㅤ​

Objetivo 04: Investir em uma TI estratégica

Mesmo que a atividade fim da sua empresa não dependa essencialmente da tecnologia, você sabe o quanto ela pode transformar diversos setores da economia e se colocar como um recurso estratégico consolidado para o seu negócio. Nesse sentido, uma terceirizada irá atuar mais como uma parceira e consultora, criando um planejamento estratégico focado em inovação para apresentar ao seu negócio soluções que realmente irão fazer a diferença para o cliente final e deixar a concorrência para trás.